(031) 3195-0580
4infra

10 resoluções para ter segurança em TI em 2020

10 resoluções para ter segurança em TI em 2020

Graças ao constante avanço tecnológico, principalmente no setor de gerenciamento de informações, as empresas que querem se destacar precisam passar por adaptações. Inúmeras soluções e possibilidades em TI podem contribuir para a gestão de negócios, a partir de estratégias cada vez mais assertivas.

Profissionais de TI trabalham para organizar, direta ou indiretamente, todas as atividades da empresa, através de softwares, desenvolvimento de soluções otimizadas, monitoramento de recursos e distribuição de inteligência computacional. Como resultado desse esforço está a busca por novos modelos de eficiência e o alcance do potencial pretendido pela organização. 

Por isso, em 2020, é essencial priorizar - ainda mais - o setor de TI da sua organização.

E, se você ainda não fez sua lista de resoluções para o novo ano, temos algumas sugestões que podem te ajudar.

1 - Invista em backup

Esta dica é óbvia, mas necessária! Acredite: tem bastante gente no mercado que ainda não se deu conta da importância de investir em um backup de qualidade. 

O backup é uma medida primordial de segurança e deve ser adotado por qualquer tipo de empresa, independentemente do porte. 

Fazer backup recorrentemente impede que você perca todos os seus dados e acessos, caso um usuário indesejado invada sua rede, o hardware apresente problemas ou algum desastre natural incapacite a máquina. Com o backup em dia, mesmo que ocorra uma queda de energia ou sua rede seja invadida, seus dados continuam seguros e disponíveis.

2 - Ter uma política de segurança interna

Caso sua empresa não possua uma política de segurança da informação, essa é sua resolução prioritária para o próximo ano. A política de segurança da informação serve como um manual de boas práticas para os funcionários. 

As diretrizes definidas pela empresa podem ser distribuídas em formato de cartilha impressa, acompanhada de uma pequena orientação de uso, e também no formato digital. A cartilha deve conter regras e normas de boas práticas durante o uso dos equipamentos durante o horário de trabalho e, também dos dados da empresa - que, em alguns casos, devem ser apontados como sigilosos.

Se a empresa em questão exigir proteção de informações sigilosas, recomendamos que seja criado um documento formal para que os colaboradores possam ler e assinar.

3 - E-mail, spam e conteúdos desconhecidos

Acredite, o e-mail ainda é um dos meios mais utilizados pelos hackers na propagação de vírus. Essa é uma das principais causas de computadores empresariais infectados, o que nos leva a outra dica importante: invista em um antivírus eficiente e o mantenha atualizado.

Nem todo conteúdo de spam é lixo eletrônico. Fique atento a links suspeitos, pop-ups de enquetes e prêmios em sites, além de mensagens de conteúdo duvidoso entregue por remetentes desconhecidos no seu e-mail. 

4 - Senhas de acesso

As senhas garantem que apenas a pessoa autorizada vai ter acesso a determinadas informações.

Para garantir a autenticidade e segurança de suas senhas de acesso, evite dar permissão para que os dispositivos gravem as senhas de acesso nele utilizadas. É importante incluir na política de segurança da informação a criação de senhas de acesso fortes. 

5 - Softwares de segurança

Nós já citamos, em outro texto do blog da 4Infra, a importância do antivírus. Mas você vai precisar, também, de softwares que mantenham todos os seus dados e recursos protegidos em servidores, computadores e todos os dispositivos que possam se conectar a sua rede. 

6 - Atualização de sistemas

Além de possuir sistemas e softwares que garantam a segurança da informação, é preciso mantê-los atualizados. Sistemas operacionais, softwares, extensões e outros recursos precisam ser atualizados sempre, de preferência de forma automática.

7- Destrua informações inseguras

Se você coleta dados de terceiros, tais como cartões de créditos, documentos pessoais, informações confidenciais, mas não pode garantir a segurança desses dados, não os armazene!

A destruição das informações inseguras permite maior controle sobre as transações e os dados dos clientes.  

8- Internet Banking

Ao acessar o site do seu banco, antes de inserir os dados da conta, confira se está em ambiente seguro. É só olhar no navegador: o site deve começar com https e um ícone de cadeado aparecerá ao lado do endereço eletrônico.

9 - Cuidado com o Bluetooth

Sempre que parar de utilizar acessórios via Bluetooth, certifique-se de que a função está desativada. Os hackers podem se conectar ao seu dispositivo e roubar seus dados através dessa rede. Outra opção é manter o Bluetooth não-detectável ou desativar sua visibilidade pública.

10 - Contrate uma consultoria de TI

Essa resolução é essencial para que todas as anteriores se concretizem. 

Sente que seu TI está defasado? Acredita que não possui os recursos necessário para garantir a segurança das suas informações? A 4Infra tem a solução! Trabalhamos com consultoria especializada e suporte para sua empresa em todas as demandas de tecnologia da informação.


Quer saber mais? Fale conosco!


26 de dezembro de 2019

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down