(031) 3195-0580
4infra

Entenda o golpe do WhatsApp Pink

Entenda o golpe do WhatsApp Pink

O WhatsApp é uma das plataformas mais utilizadas no mundo, tanto para uso pessoal quanto profissional. De acordo com o próprio aplicativo, a ferramenta já ultrapassou mais de 2 bilhões de usuários no mundo, sendo que no Brasil o percentual de usuários chega a 95% da população.

Com tanta gente trocando mensagens e informações importantes por meio desse app, ele acabou virando alvo de hackers. O objetivo é sempre o mesmo: fazer com que as vítimas percam o controle de funções do celular e, consequentemente, de dados.

A “última novidade” de ataque digital nessa plataforma é conhecida como WhatsApp Pink. Trata-se da oferta de uma versão do aplicativo na cor rosa, cujo objetivo é se espalhar como spam para os seus contatos.

Como funciona o mais novo golpe digital

Usuários de plataformas de mensagens como Whatsapp, Telegram e Signal devem estar atentos ao mais novo golpe na praça. Ele vem disfarçado de um link para atualização do serviço de WhatsApp que, ao ser clicado, gera uma sucessão de eventos adversos. Nele, o celular é invadido e o aplicativo comprometido.

Trata-se de um malware criado para roubar dados e informações através de um ícone atrativo, prometendo acesso a novos recursos e alteração do logo da ferramenta, que iria de verde para rosa.

Fato é que o aplicativo falso tem uma disseminação rápida, alcançando novas vítimas por meio de respostas automáticas em aplicativos de mensagens. Ou seja, sem que o dono do celular tenha qualquer ação, o falso app envia um link para todos os seus contatos sugerindo a versão do WhatsApp rosa. Como a informação vem de um contato conhecido, a tendência é que os demais usuários baixem o arquivo, disseminando para mais pessoas esse tipo de vírus.

Ao ser instalado no celular, o malware passa a acessar as notificações, identificando mensagens e enviando respostas automáticas para os contatos. Quando a vítima abre a ferramenta, autorizando a ação, o ícone símbolo do WhatsApp some da tela, informando que houve um erro na instalação. Não se engane: o falso aplicativo continua armazenado no aparelho.

Como se proteger do WhatsApp Pink e outras armadilhas

Golpes por meio de links maliciosos são mais comuns do que a gente pensa. Eles sempre vêm como uma oferta atrativa envolvendo o nome de alguma marca famosa, já que esta é uma maneira fácil de enganar os desavisados ou distraídos.

A principal dica é nunca abrir links que chegam pela internet e WhatsApp, mesmo que tenham vindo de uma fonte confiável, como familiares e amigos. Para maior segurança, siga os seguintes passos:

Baixe os aplicativos diretamente da loja

O risco de baixar um aplicativo infectado pelas lojas de apps como Apple Store e Google Play é bem pequeno, já que as empresas mantêm uma área que cuida exclusivamente dos assuntos voltados à segurança dos aplicativos.

Veja as notas e avaliação dos usuários

Uma outra maneira de verificar a confiabilidade do aplicativo é checar nessas lojas as notas dadas pelos usuários. Quanto maior a aceitação, melhor! No entanto, fique atento, pois cibercriminosos utilizam Trojans para aumentar a pontuação e publicar respostas falsas nas avaliações dos usuários.

Checar somente a nota, portanto, pode não ser uma boa ideia. Então, passe a ler os comentários e faça uma análise da consistência das informações – e se foram escritas por pessoas reais.

Quando o usuário é real, a crítica é mais detalhada e costuma ter avaliações negativas, solicitando contato do desenvolvedor para resolver a demanda.

Tenha um recurso de segurança confiável

Independente do aplicativo que você queira instalar no celular, tenha uma solução que o proteja e que permita uma verificação dos aplicativos. Além disso, mantenha a atualização do sistema operacional do aparelho em dia, para que as próprias barreiras das fabricantes sejam capazes de te ajudar a filtrar potenciais ameaças.

 

Quer implementar recursos de segurança de dados nos celulares corporativos? Entre em contato com a 4Infra! Nossos especialistas vão indicar a melhor solução para o seu negócio.

 

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down