(031) 3195-0580
4infra

Já faz muito tempo que a internet deixou de ser um serviço opcional nas empresas. Estar conectado é uma das melhores estratégias para alcançar eficácia no negócio.

A comunicação instantânea permite que a organização esteja constantemente ativa, não apenas internamente, mas também com os clientes e os demais públicos externos. Fechamento de negócios e tomadas de decisão é uma rotina no meio empresarial.

Contudo, deixar de fechar uma venda por perda de conexão, devido à internet lenta, é algo impraticável nos dias de hoje.

Por conta de situações como essa é que não se pode subestimar a importância da velocidade da internet. Garantir um nível adequado do serviço significa que a empresa vai continuar a crescer.

Internet: recurso estratégico para empresas

As instituições não podem ver a internet local, ou wifi, apenas como serviço prestado por um provedor. Na verdade, ela é recurso estratégico para toda organização.

Pense na possibilidade de ficar um dia sem internet no seu negócio. Imagine o prejuízo que a empresa não teria.

Hoje, precisamos desse recurso para praticamente tudo: envio de correspondência, protocolos, cotação, fechamento de vendas, rastreamento de encomendas, controle financeiro e muitas outras atividades de rotina – que só vão ser possíveis pela internet.

Isso significa que a ferramenta representa a maior fonte de informação facilmente acessível de todos os tempos. Por já estar inserida no cotidiano dos usuários e das organizações, muitas vezes não percebemos que ela também possui suas próprias limitações.

A capacidade da internet em transmitir dados com maior ou menor rapidez vai depender da velocidade contratada. Por isso, é preciso dimensionar muito bem esse recurso.

Afinal, pouca internet pode prejudicar a produtividade dos empregados, ao passo que o excesso é considerado um desperdício, podendo se tornar um custo desnecessário para os gestores.

Como melhorar a conexão com a internet

Para viabilizar os ajustes que devem ser realizados nas empresas, em relação à quantidade de internet, é preciso levar em consideração dois fatores: velocidade e largura de banda.

Velocidade da internet é um número que o provedor te vende; por exemplo, 5 Mbps. Isso quer dizer que você pode receber até 5 megabits de dados por segundo. Se você contratou esse valor, mas quer transmitir um dado ou baixar uma imagem de 10 Mbps, o download da mensagem não seria instantâneo, demorando um pouco mais para concluir o processo.

Já a largura de banda é a medida de capacidade de uma transmissão, em especial de rede ou conexão, determinando a velocidade com que os dados passam por ela. Ou seja, quanto mais larga a banda, maior será a velocidade de uma conexão.

Saber se o uso da internet está adequado à capacidade da empresa depende de uma avaliação. Depois de estabelecer a quantidade de recurso utilizado, o próximo passo é prever as futuras demandas. Com base nessas informações é possível garantir uma velocidade suficiente para cobrir, inclusive, projeções de crescimento.

Para estimar esse valor, considere o número de funcionários e calcule a quantidade de tempo que cada um passa online, já que a natureza da atividade determina a capacidade de internet utilizada.

Além desses fatores, é recomendada instalação de Firewall, um gestor de conteúdo e uma análise de redes corporativas para melhorar e dar mais confiabilidade ao estudo. Muitos pontos são avaliados para identificar a maneira mais conveniente de otimizar a internet, inclusive sobre onde colocar o roteador de wifi para ter um sinal mais forte.

É claro que você e sua equipe não precisam fazer esse trabalho sozinhos.  Para isso, conte com a ajuda de um time que conhece muito desse mercado.

Não espere ter problemas na transmissão dos seus dados para procurar uma consultoria. Fale, agora, com a 4Infra!

chevron-down