(031) 3195-0580
4infra

O custo para manter e atualizar uma equipe de TI na sua empresa é muito alto? Diante de uma crise econômica relevante, as empresas procuram várias formas de reduzir custos, e terceirizar o TI possui, em boa parte dos casos, um ótimo custo-benefício.

Mas qual o melhor momento para fazer isso?

Com o avanço de tecnologias como acesso remoto, cloud computing e tecnologias de monitoramento, hoje terceirizar os serviços de TI possui (na grande maioria das vezes) um ótimo custo-benefício para qualquer empresa, em qualquer momento.

Redução dos custos: o ponto-chave de qualquer terceirização em TI

Terceirizar o TI de uma empresa tem como principal benefício a diminuição de custo, por alguns motivos. O primeiro deles, e mais evidente, é contar com profissionais qualificados cujos direitos trabalhistas são pagos pela empresa que presta o serviço, e não pelo gestor da empresa.

A legislação brasileira prevê direitos além da remuneração, como FGTS, INSS e outros que oneram a folha de pagamento. Ao terceirizar o TI da empresa, o administrador pagará uma quantia pelo serviço, sendo de responsabilidade da empresa terceirizada realizar os pagamentos aos funcionários.

Além da questão trabalhista, tem a questão de controle de despesa da gestão. Quando há um equipe interna, esse custo é fixo. Mas quando a equipe é terceirizada, o custo é variável. Em outras palavras, o capital que sobrar em um mês pode ser aplicado em outra área.

Por ter um melhor custo-benefício, a terceirização de TI pode ser adotada por qualquer porte de empresa.

Além disso, a consequência de uma empresa que gasta muito recurso para ofertar um produto ou serviço é repassar esse custo ao cliente. A execução das tarefas de TI por uma equipe interna causa esse efeito. A terceirização de serviços de TI alivia algumas dessas despesas, dando ao negócio uma vantagem competitiva em relação ao preço de bens e serviços.

Outra vantagem da terceirização em TI é a possibilidade de focar na atividade fim

Os gestores de um negócio possuem muitas preocupações acerca de sua atividade. Apesar de a TI ser um setor essencial em qualquer empresa, nem sempre ele está envolvido com a atividade fim. Uma empresa produtora de bicicletas tem como foco a venda do equipamento, ainda que a TI seja fundamental para seu negócio.

Ao terceirizar o TI, o empresário pode se concentrar mais nas metas e nos objetivos essenciais de sua empresa. A empresa que prestará o serviço personalizará as soluções conforme a demanda, o orçamento e a segurança necessárias.

Alguns gerentes precisam dividir suas energias entre atividades que envolvem potenciais clientes e preocupações com operações fora dos objetivos principais do negócio. A terceirização alivia essa necessidade, e os gerentes de negócios podem concentrar suas energias onde as suas competências se encontram.

Além disso, outra vantagem de terceirizar é que a empresa prestadora do serviço pode personalizar as soluções de forma única, de acordo com a demanda, orçamento e nível de segurança de cada caso.

Existem riscos de terceirizar o TI?

Ao terceirizar o TI da empresa, o administrador deve ter consciência que sim, existem alguns riscos que pode correr ao deixar os serviços de TI nas mãos de terceiros. Só para citar alguns:

a. Disponibilidade em risco: As empresas que contam com um serviço externo de TI correm o risco de ficar algum tempo inativos durante falhas críticas do sistema, o que leva a uma potencial perda de produtividade. Pode demorar alguns horas até que o profissional contratado de TI possa dedicar atenção ao problema comercial e resolvê-lo.

b. Impessoalidade: Um administrador de rede interno fica intimamente familiarizado com as peculiaridades e características únicas do que administra. Por isso, ele é capaz de produzir resultados de forma mais eficiente, rápida e pessoal. Ao terceirizar o TI, corre-se o risco de não possui esse toque tão pessoal. Porém, isso pode ser resolvido com a contratação de uma equipe que personaliza os serviços conforme a necessidade empresarial.

c. Protocolos de segurança abaixo do padrão da empresa: As empresas que consideram a terceirização de serviços de TI devem investigar se a terceirizada emprega medidas de segurança tão robustas quanto as próprias. Entretanto, uma prestadora de serviços qualificada costuma ter protocolos de segurança impressionantes.

Apesar desses riscos, vale lembrar que eles podem ser reduzidos a praticamente zero por meio de uma contratação assertiva. Isso porque, apesar de várias empresas oferecerem serviços de TI hoje, são poucas aquelas realmente especializadas e capazes de garantir uma segurança a nível corporativo.

Portanto, antes de decidir se vale a pena ou não terceirizar os serviços de TI em sua empresa, converse com um consultor da 4Infra.

chevron-down