(031) 3195-0580
4infra

O que são KPIs - e para que servem?

O que são KPIs - e para que servem?

 

Avaliar o desempenho das estratégias da sua empresa é fundamental - mas disso já sabemos, certo? Contudo, se já ouviu falar da importância das KPIs para esse processo, e ainda não entende o que são (ou para que servem), calma.

Antes de mais nada, a sigla, americana (Key Performance Indicator), em português significa Indicadores-chave de performance. Portanto, as informações contidas nas KPIs vão salientar o desempenho do seu negócio. 

Até aí, tudo bem; mas, entre tantos indicadores passíveis de mensuração, quais escolher? Como calcular e analisar KPIs? O primeiro passo para conseguir todas essas respostas é entender, em detalhes, o que esses indicadores representam.

A princípio, trata-se de um valor mensurável que demonstra a eficiência com que uma empresa progride em seus principais objetivos. As corporações utilizam KPIs em vários níveis para avaliar metas e prazos, indo do alto nível - desempenho geral - ao baixo nível - concentrado em departamentos específicos, como em vendas ou marketing, por exemplo.

Importância das KPIs no longo prazo

As KPIs permitem transformar números em conhecimento aprofundado sobre o desempenho da empresa. A partir dos indicadores apresentados é possível identificar a origem de gargalos e revisionar as estratégias.

Além disso, se compartilhadas com os colaboradores, as KPIs funcionam como forma de motivá-los, já que, a partir delas, cada um vai enxergar seu papel no desempenho da corporação. Dados de KPIs permitem o estabelecimento de novas metas, potencialidade dos esforços, análise de obstáculos e progresso detalhado. 

Em resumo, KPIs são importantes porque oferecem um diagnóstico sobre o que pode ser mensurado de positivo ou negativo nos métodos utilizados, sempre visando às melhorias. Consequentemente, a correta análise dos indicadores vai aperfeiçoar a operação da empresa, bem como seu posicionamento no mercado.

Principais KPIs a considerar

Avaliar, com frequência, os KPIs permite identificar de forma mais fácil as estratégias ruins e mudá-las antes que isso afete o objetivo final. Portanto, escolher os dados sujeitos à análise é a forma mais eficiente de filtrar as informações importantes em um primeiro momento.

Dentre os principais indicadores utilizados pelas corporações que se guiam pelas KPIs, podemos citar:

Retorno sobre Investimento (ROI)

O ROI é um indicador fundamental para avaliar quanto a empresa ganhou ou perdeu com determinado investimento realizado. 

A maneira mais simples de calculá-lo é subtraindo, da receita, o custo - que são todas as despesas necessárias para o investimento -, dividindo o resultado pelo custo. Em seguida, o resultado é multiplicado por 100.

Fórmula: 

(receita - custo/custo) x 100

A partir do ROI é possível colocar na ponta do lápis o valor (e não apenas o custo) de cada investimento. 

Custo de Aquisição por Cliente (CAC)

O CAC evidencia o quanto a empresa está investindo para conquistar um novo cliente. Para calcular esse indicador é preciso dividir o total de gastos feitos no processo de vendas pelo número de clientes obtidos no período.

Fórmula: 

total de gastos feitos no processo/número de novos clientes

É um indicador que mede a eficácia do setor de vendas, além de ajudar a tomar decisões mais estratégicas para a aquisição de clientes.

Taxa de Churn

A taxa de churn representa o percentual da quantidade de clientes que deixaram a empresa em um determinado período. Para calculá-lo, basta dividir a quantidade de cancelamentos de contrato do período pela base total de clientes ativos. 

Fórmula: 

número de clientes que cancelaram no último período/número da sua base de clientes.

O Churn é um indicador que mostra claramente a satisfação do cliente com o serviço prestado, além de evidenciar o tempo de vínculo dos clientes em relação à empresa.

 

Para além desses exemplos, há muitos outros dados que você pode incluir na sua planilha de KPIs, para a empresa, como um todo, ou apenas para a infraestrutura de TI. Todos eles vão depender única e exclusivamente da sua estratégia de mercado para que você decida se figurarão (ou não) em suas listas.

Ainda não tem uma estratégia desenhada - ou quer conferir informações que levem a um projeto inicial? Estamos aqui para te ajudar a otimizar o processo e garantir a segurança das informações. Acesse nosso blog e entre em contato para assessoria personalizada.


9 de junho de 2020

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down