(031) 3195-0580
4infra

A importância do Data Center para sua empresa

A importância do Data Center para sua empresa

Provavelmente, você já viu em vídeos de tecnologia grandes salas repletas de aparelhos que são vitais para o funcionamento do sistema de uma empresa. O Centro de Processamento de Dados, também conhecido como o Data Center, é esse espaço físico usado para  hospedar conteúdos.

Usado para abrigar informações críticas das empresas, o local pode ser uma sala ou galpão. Nesse espaço são armazenados diversos equipamentos importantes, como roteadores, servidores e até mesmo dispositivos de segurança.

Qual a importância do Data Center?

Para acessar um site, por exemplo, é necessário que seu computador entre em um servidor. A partir disso, o usuário consegue acessar uma página na web. 

Nesse processo, os dados relacionados a página que você está acessando estão armazenados em um Data Center. Por isso, ele é um local importante no que diz respeito à segurança e privacidade de dados. 

O Google, por exemplo, possui uma grande estrutura voltada para o armazenamento das informações. As unidades estão espalhadas pelo continente americano, na Europa e Ásia. No site, é possível ver os bastidores que colocam o buscador no ar. 

Considerados como sistema nervoso da empresa, o espaço também é usado tanto para armazenar e gerenciar sistemas críticos. No Data Center são desenvolvidas atividades rotineiras, como o acesso a Internet até operações complexas como a checagem de dados via web.

A partir dele, os profissionais de TI têm acesso a operações vitais de um empreendimento. Por isso, o Data Center é importante para o bom funcionamento da empresa. Dessa forma, para que tudo ocorra da melhor maneira possível, é fundamental que o espaço precisa funcionar perfeitamente 24 horas por dia. 

Conheça os principais tipos de Data Center

Hoje, existem duas  categorias muito comuns: o Data Center Privado (PDC) e o Internet Data Center (IDC). No primeiro caso, o PDC é uma maneira de fazer o processamento e armazenamento de dados dentro da organização. O Data Center Privado é um espaço físico interno que também cuida das aplicações da empresa ligadas a Internet. 

Diferente do PDC, o Internet Data Center está ligado à rede mundial de computadores. Ele está relacionado a processos mais simples, como a hospedagem de sites.

O IDC pode ser operado, por exemplo, por um provedor de grandes companhias de telefonia. A principal vantagem em usá-lo é facilidade em crescer de maneira rápida, o que melhora processos de usuários e empresas. 

Se o negócio não consegue definir o tipo ideal de armazenamento, há empresas do setor de tecnologia preparadas para analisar cada caso. Nesse momento, é importante ter muito cuidado e atenção para evitar a escolha de empresas despreparadas. 

Como escolher um bom Data Center em 3 passos

Ao procurar por um Centro de Processamento de Dados para sua empresa, é fundamental que alguns pontos sejam analisados. Para te ajudar, selecionamos três características importantes que você deve observar ao contratar esse tipo de serviço. 

1. Observe a estrutura do local

A instalação física do Data Center  possui uma estrutura básica para funcionar. Por atender diversas soluções de hardware e software, o espaço precisa de um local com refrigeração e energia. Além desses componentes, o ambiente físico do Data Center precisa de uma equipe capacitada para gerir o local.

Outro ponto importante é observar os níveis de segurança. O espaço deve atender as normas básicas exigidas para evitar acidentes.  

2. Veja se o local segue padrões mundiais

Assim como empreendimentos de outros setores da economia, a área de tecnologia tem práticas e processos que seguem padrões de qualidade encontrados em todo mundo. Por isso, ao contratar um data center é importante pesquisar se o local possui certificados internacionais.

Uma das certificações importantes do setor é o O ISAE 3402. Além dela, existe o ISO 20000, ambas são normas de  garantia de gestão e qualidade de serviço. 

3. Estude a estrutura do Data Center

Como já foi explicado, o Centro de Processamento de Dados precisa funcionar todos os dias, por 24 horas. A partir dessa periodicidade de funcionamento, é possível garantir o bom funcionamento das atividades da empresa. 

Justamente por isso, é fundamental observar o nível de cobertura dos provedores de telecomunicações. A estrutura básica deve conter dois fornecedores diferentes de internet e rede. Isso porque, caso aconteça algum contratempo no funcionamento do local, o sistema irá continuar funcionando. 

Se no momento,a empresa não consegue arcar com os custos de um Data Center interno, é possível encontrar outras soluções úteis no mercado. 

A 4Infra atua na consultoria de TI e pode ajudar sua empresa com soluções inovadoras. Fale com a nossa equipe!


2 de agosto de 2021

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down