Sua empresa pode ter um Centro de Serviços Compartilhados?

Sua empresa pode ter um Centro de Serviços Compartilhados?

Com o objetivo de padronizar os serviços da organização e manter a competitividade do negócio, muitos gestores utilizam de estratégias que geram agilidade, autonomia e redução de custos.

Um recurso bastante utilizado pelas empresas é o Centro de Serviços Compartilhados, também conhecido como CSC.

Mas o que é isso?

O CSC é uma estrutura da organização que atua como prestadora de serviços para o atendimento aos clientes internos, melhorando a qualidade das entregas, aumento da produtividade, padronização dos processos, otimização dos recursos e gerenciamento de custos.

Em outras palavras, o CSC é uma área que suporta o negócio principal da empresa, oferecendo condições para que gestores e funcionários se envolvam  com os projetos estratégicos.

De maneira geral, as áreas que integram o Centro de Serviços Compartilhados são: compras, almoxarifado, manutenção, RH, TI, finanças, marketing, engenharia e contabilidade.

Benefícios de se implantar um Centro de Serviços Compartilhado

Implantar um sistema de CSC nas empresas não é uma tarefa muito fácil, já que exige planejamento, mapeamento dos processos, mudança de foco e engajamento entre os funcionários e a liderança. No entanto, os benefícios podem ser percebidos a médio e longo prazo.

Veja alguns:

Aumento da produtividade

Ao repassar as atividades de alta demanda e de complexidade  baixa para o CSC, é possível desafogar setores estratégicos da organização, permitindo que o core business seja favorecido com essa mudança.

Além disso, o CSC trabalha com processos bem elaborados  e de fácil assimilação, o que contribui para a redução de falhas e tempo de atendimento.

Redução de custos

Esse é um importante benefício do Centro de Serviços Compartilhados e o mais desejado pelos empreendedores: reduzir custos sem afetar a qualidade do serviço.

Com a melhoria dos processos, o desenvolvimento da comunicação e o aumento da produtividade, a redução de custos passa a ser uma consequências desses esforços.

Melhoria na comunicação

Como o CSC é único contato de prestação de serviços da empresa, e ele se baseia em processos pré-definidos, a comunicação tende a ser eficaz, transparente e comum a todas os funcionários. Isso traz confiabilidade ao sistema,  elimina ruídos e reduz conflitos.

Como implantar um CSC na minha empresa?

Qualquer tipo negócio pode ter essa estratégia implantada na organização. Afinal, não existe apenas um modelo de CSC, sendo o conceito facilmente adaptado às diversas estruturas de business.

No entanto vale lembrar que o Centro de Serviços Compartilhados tem características específicas que devem ser executadas em qualquer setor. Os principais são: padronização dos processos e serviços e centralização das atividades administrativas.

Para implementar o CSC na organização, é preciso fazer algumas considerações sobre o negócio e seguir algumas etapas:

  • Faça um diagnóstico dos setores da empresa, verificando o fluxo de processos e o volume operacional;
  • Mapeie as atividades executadas pelas áreas de apoio;
  • Defina os serviços que serão compartilhados;
  • Escreva um acordo de nível de serviço, especificando os parâmetros para a entrega dos serviços;
  • Monte um catálogo de serviços;
  • Estabeleça os processos;
  • Monte um piloto do CSC;
  • Promova sua implantação;
  • Monitore o desempenho.

O fato é que o Centro de Serviços Compartilhados é uma inovação e traz mudanças significativas para o negócio. Mas, para que ele seja efetivo, é preciso apostar em uma boa plataforma tecnológica. Afinal, é ela que vai edificar as estratégias propostas pela empresa.

Em outras palavras, de nada adianta ter um projeto super bem desenhado de implementação do CSC se você não tiver o apoio da tecnologia para automatizar os processos, como uso de chatbots, sistemas de autoatendimento e geração de protocolos automáticos, entre outros.

Além disso, é necessário ter uma infraestrutura de TI adequada para suportar os programas e todos os  sistemas interligados.

Se você precisa de profissionais especializados em tecnologia, conte com a 4Infra. Nós estamos disponíveis para te ajudar na montagem do CSC.

Leandro está no mercado de TI desde 1997, onde já atuou em grandes empresas em Belo Horizonte, São Paulo, Brasília. Conhece do inicio ao fim tudo que envolve infraestrutura de TI, especialista em soluções Microsoft 365, Fortinet, Acronis e Redes Wireless, mas ao longo do tempo foi se aperfeiçoando e passou a cuidar da parte Administrativa, Marketing e Financeira na 4infra e como um bom Atleticano sempre está presente nos jogos do GALO.
29 de junho de 2020

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
chevron-down