(031) 3195-0580
4infra

O prejuízo que uma empresa sofre por eventos que comprometem seus sistemas pode ser enorme caso ela não tenha se preparado para essas ocasiões. Planos e estratégias de redundância são, por isso, fundamentais para manter continuidade e estabilidade dos processos e das aplicações dos negócios. E isso se aplica também à internet de alta disponibilidade. Imagina ficar sem wi-fi em um dia de trabalho?

Se você quer saber como a redundância é usada para internet de alta disponibilidade, confira nosso post!

O que é redundância?

Qualquer negócio atualmente depende de tecnologia na execução de suas tarefas. Empresas de qualquer porte, ainda que estejam sólidas no mercado, estão sujeitas a falhas e imprevistos que causam interrupções em suas atividades. Essas falhas ocorrem principalmente por três motivos: falha de Hardware (falha física), de software (falha lógica) ou falha humana.

Para minimizar a probabilidade dessas falhas ocorrerem, existe a redundância. Um plano de redundância faz com que uma empresa sofra o menor impacto possível, podendo se restabelecer automaticamente e continuar suas atividades em casos de eventos disruptivos que comprometem os recursos de informação e os deixam fora do ar (parcial ou totalmente). Esse plano, portanto, evita danos financeiros e falhas tecnológicas.

Em outras palavras, redundância é uma estratégia de prevenção, assim como o backup, para garantir a disponibilidade e a estabilidade de um sistema. Dessa forma, mesmo em caso de falhas, a empresa consegue continuar suas atividades.

Uma forma de redundância muito utilizada é a contingência, que é uma redundância externa ao ambiente de tecnologia principal. As empresas se preocupam com a contingência para proteger ainda mais a continuidade de suas operações.

O que é internet de alta disponibilidade?

Alta disponibilidade é a característica de um sistema que mantém suas funções continuamente por longo período e sem interrupções. A internet de alta disponibilidade é, portanto, aquela disponível por 24 horas por dia, 7 dias por semana, mesmo que alguns fatores a influenciem direta ou indiretamente.

Ela é fundamental para a produtividade das empresas e para a continuidade dos negócios, já que as organizações utilizam diariamente aplicações web para suas tarefas.

Para manter uma internet de alta disponibilidade, é fundamental que exista redundância. A estrutura empresarial deve possuir, por exemplo, ao menos dois links de internet para não correr o risco de a conexão ficar indisponível. Considerando que os provedores brasileiros não oferecem 100% de estabilidade de Internet, a redundância é fundamental.

Como a redundância contribui para o pleno funcionamento da internet de alta disponibilidade?

A indisponibilidade de conexão à internet significa prejuízo certo às empresas, uma vez que a grande maioria dos colaboradores ficam com o trabalho totalmente comprometido em caso de interrupção na conexão. Por isso, é preciso ter planos de redundância para implementar estruturas que mantém a internet de alta disponibilidade.

A redundância contribui para seu pleno funcionamento, porque fornece acesso ininterrupto à rede, mantendo a disponibilidade das aplicações e o acesso aos dados. A primeira medida para garantir um nível mínimo de disponibilidade, como dito anteriormente, é contratar ao menos dois links de internet que pertencem a troncos de origem distintos. Somente assim há garantia de efetiva de redundância do recurso.

Além disso, é preciso pensar além dos circuitos de internet. A empresa ainda pode contratar:

 

A redundância é fundamental para que a empresa tenha internet de alta disponibilidade e, consequentemente, se mantenha funcionamento sem interrupções. Na hora de contratar o serviço, é importante contar com uma análise de impactos prévia para entender as ameaças e os riscos que podem deixar seu negócio indisponível.

Por isso, é preciso contar com o auxílio de uma consultoria especializada de TI para encontrar as melhores soluções de redundância para manter a internet de alta disponibilidade. Somente com ajuda técnica é possível contratar conforme a demanda real da empresa.

Precisa de ajuda? Entre em contato conosco.

Alta disponibilidade de servidores é uma característica fundamental de uma empresa que mantém seus serviços a pleno funcionamento. A equipe de TI deve se atentar a alguns pontos-chave que promovem essa característica, para que a continuidade dos negócios seja garantida. Se você não sabe o que deve ser considerado para garanti-la, esse post é perfeito para você!

O que quer dizer exatamente "alta disponibilidade de servidores"?

Alta disponibilidade de servidores é a característica de sistemas que mantêm suas funções continuamente por longo período e sem interrupções. Por mais que alguns fatores os influenciem direta ou indiretamente, eles se manterão disponíveis. Essa disponibilidade é fundamental para a produtividade das empresas e para a continuidade dos negócios.

Falhas de energia, software e hardware são comuns, mas é preciso garantir que o serviço permaneça em funcionamento o máximo de tempo possível. Para tanto, a equipe de TI deve estar atenta aos pontos principais para garantir a alta disponibilidade de servidores.

Quais são os principais pontos a serem levados em consideração por profissionais de TI?

Planejamento

O primeiro ponto que os profissionais de TI devem considerar ao se falar em alta disponibilidade de servidores é o planejamento. Uma rede ou um sistema pode ser dividido em diversas partes que se comunicam e que precisam estar funcionando para que o todo seja operacional.

Somente com um bom planejamento de alta disponibilidade de servidores é possível ter controle sobre os recursos necessários para garantir a continuidade dos negócios. Monitoramento, backups, redundância, processamento de failover, armazenamento de dados e acesso são alguns pontos a serem considerados no planejamento.

Backup

O backup é uma política de segurança de dados fundamental em uma empresa. Não há como ficar tranquilo quanto à alta disponibilidade de servidores se o backup não está em dia. As informações são ativos estratégicos, de grande relevância, que devem estar sempre disponíveis para que a empresa não perca uma oportunidade de negócio.

O backup automático, por exemplo, faz parte da rotina de muitas organizações que se preocupam com a continuidade de seus serviços. Ele é, assim, extremamente importante para manter a alta disponibilidade de servidores.

Servidor standby

Em uma empresa, é comum que a infraestrutura de TI contenha diversos servidores, como Banco de Dados, Firewall, Arquivos e E-mail. O servidor standby é um servidor vazio, que, caso um dos servidores principais falhe, servirá para formatação e reinstalação do sistema operacional do servidor principal.

Ele contribui para minimizar o tempo de recuperação do servidor, aumentando a disponibilidade. Aliás, quando existe servidor stanby replicado, que é aquele que possui o mesmo sistema operacional do principal e que também armazena seus dados, esse tempo é ainda menor. A alta disponibilidade de servidores neste caso é realmente efetiva.

Redundância

Um bom plano de redundância é fundamental para a continuidade dos negócios. A redundância atinge softwares e hardwares, e é a forma de um componente entrar em funcionamento em caso de falha de outro. Quanto maior a redundância, menor a probabilidade de interrupção no serviço.

Por exemplo, se um sistema empresarial deixar de funcionar, a redundância garante que um segundo ou terceiro sistema o substitua de forma automática e imediata. A alta disponibilidade de servidores é, portanto, diretamente relacionada à redundância.

Cluster

Clusters são sistemas de hardware acessível, de custo mínimo e altamente escaláveis. Os clusters de alta disponibilidade são os sistemas que permanecem ativos por longo período de tempo, com plena condição de uso. Além disso, podem detectar erros e se proteger de possíveis falhas.

Eles permitem agregar vários computadores ou servidores. Isso quer dizer que eles trabalham juntos e, apesar de diversos, são considerados como um único sistem

Para garantir a alta disponibilidade de servidores, a equipe de TI deve se atentar aos 5 pontos-chave que manterão os negócios funcionando. Sabemos, porém, que muitas empresas, especialmente as pequenas, não possuem recursos para ter profissionais de TI de prontidão em seu negócio.

Nesses casos, não se pode negligenciar o valor da alta disponibilidade de servidores. O ideal seria contar com o auxílio de uma consultoria de TI confiável para avaliar a infraestrutura e orientar os ajustes necessários, como a 4infra.

chevron-down