(031) 3195-0580
4infra

Governança de dados: descubra as boas práticas

Governança de dados: descubra as boas práticas

Vivemos na era da informação e, com um imenso tráfego de informações no dia de hoje, é essencial que a criação, coleta e uso de dados seja regulamentada, de forma a manter a segurança das informações. A governança de dados pode ajudar. 

Vazamentos podem ocorrer, e vazamentos de informações dos clientes podem causar grandes crises dentro de uma corporação. Recentemente, um grande vazamento aconteceu no Brasil, e as consequências dele para os clientes pode ser enorme, além de afetar a reputação da empresa.

A governança de dados é uma gestão que tem como objetivo estruturar, organizar e usar os dados da empresa de forma estratégica. Um dos focos da governança de dados é garantir que a propriedade intelectual da empresa permanecerá dentro dos limites da corporação.

Uma boa governança de dados inclui processos, recursos humanos e tecnológicos, e deve contar com um manual de boas práticas. Esse manual deve estar disponível para todos os funcionários da empresa, para que todos saibam como agir frente ao gerenciamento de dados do negócio.

Vantagens da governança de dados 

A governança de dados bem feita traz agilidade nos processos e segurança para a empresa, além de ajudar os gestores a tomarem decisões estratégicas. Essa praticidade é importante pois com informações claras baseadas em dados reais tomadas de ação mais direcionadas podem ser feitas. 

Além de mais agilidade nos processos, a governança bem feita os torna mais eficientes e tarefas operacionais são automatizadas. 

É essencial também que a empresa aja em conformidade com as leis do país, como o marco civil da internet e as leis de proteção GDRP e LGDP, e mantenha o aspecto jurídico sempre muito transparente e em ordem. 

Outra vantagem importante a ser considerada é que empresas que investem em governança de dados possuem maior competitividade, já que não costumam ter informações vazadas para os concorrentes. 

Bons resultados também aumentam o engajamento dos colaboradores. Com a alta rotatividade de talentos, é essencial manter os funcionários motivados e engajados nos objetivos da equipe. Por isso, processos eficazes e transparentes possuem um papel chave na motivação do público interno.

Quais são as boas práticas de governança de dados?

Como implementar a governança de dados com sucesso? Algumas práticas podem ajudar.

#1. Infraestrutura

O primeiro passo é fazer um diagnóstico da infraestrutura da empresa. O que é necessário incluir para que o negócio consiga dar suporte à governança de dados?

#2. Estratégia

Não é possível fazer nada sem estratégia. Por isso, após identificar os gargalos da infraestrutura e identificar os maiores desafios, passe a buscar soluções estratégicas e tecnológicas para as necessidades encontradas.

#3. Identifique os setores responsáveis pelo gerenciamento de dados

Quais setores da empresa geram dados? Quais são as equipes que mais podem se beneficiar de práticas de governança de dados? Como as soluções estratégicas definidas podem auxiliar esses setores?

Responder a essas perguntas é fundamental para o início das práticas. O ideal é que os gestores de cada setor se responsabilizem pelas definições, mas que elas sejam claras para todos os servidores. A governança deve fazer parte da cultura da empresa. 

#4. Valorize os dados disponíveis

Defina quais são os dados essenciais para a empresa e como eles devem ser gerenciados e mantidos em segurança. Faça uma escala de prioridades e aprenda a priorizar aqueles mais urgentes. 

Também defina quais equipes podem acessar quais dados e quem ficará responsável por cada um. Além de manter as informações mais seguras, também permite rastrear com facilidade a origem de um eventual problema. 

#5. Avalie a estratégia

De nada adianta manter os dados em segurança se não é possível medir o sucesso da estratégia. Monitore regularmente os resultados para traçar novos objetivos e diagnosticar etapas de sucesso e pontos de melhoria.

Além dos pontos de melhoria, entender as etapas eficazes na estratégia é essencial para dar continuidade ao projeto e manter os colaboradores engajados. Ninguém gosta de escutar apenas notícias ruins, não é mesmo? 

#6. Não tenha medo de mudar de caminho

Se identificar que a estratégia da empresa não está funcionando da maneira que devia, não tenha medo de mudar de caminho. Bem sucedido é quem tem posturas resilientes e aprende com os erros.

Com o tempo, as práticas que mais funcionam para sua empresa ficarão mais claras e mais fáceis de implementar. Enquanto isso, entenda que a flexibilidade é habilidade essencial para qualquer negócio.

Manter uma boa governança de dados é tarefa essencial para o bom andamento da empresa em diversos âmbitos. Com processos mais definidos e claros, todos os setores só têm a se beneficiar e os resultados não demorarão a vir.

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down