(031) 3195-0580
4infra

A importância do plano diretor de TI

A importância do plano diretor de TI

A tecnologia assume, cada vez mais, um papel importante na rotina empresarial. E, quanto mais é utilizada dentro das corporações, mais é necessário adotar medidas de gestão tecnológica para que o funcionamento das ferramentas seja otimizado. 

Levando isso em consideração, ter um planejamento detalhado e atualizado das ações de tecnologia da informação a serem feitas se tornou essencial para o bom desempenho de uma corporação. 

O planejamento em questão também é conhecido como plano diretor de TI (PDTI), e é uma ferramenta necessária tanto para a gestão de processos e pessoas quanto para os próprios recursos de TI da empresa. 

O que é o plano diretor de TI?

O plano diretor de TI (PDTI) é um planejamento que determina e especifica as orientações básicas a respeito dos processos de tecnologia da informação que uma empresa utiliza para gerenciar suas operações.  

A sua função é, basicamente, servir como uma espécie de guia para as decisões a serem tomadas em relação ao TI corporativo - decisões essas que precisam priorizar as tarefas com mais necessidade e urgência.

O plano diretor de TI abrange, então, a análise e a gestão de recursos humanos, o diagnóstico e o acompanhamento de hardwares e softwares, a infraestrutura física da empresa e os sistemas de informação. 

Além disso, o PDTI auxilia no modo como a corporação vai determinar a estratégia específica de TI que funciona dentro da própria empresa. Isso porque o plano orienta a maneira como a organização pode ter um desenvolvimento melhor, utilizando os recursos tecnológicos de forma adequada. 

Então, como fazer o plano diretor de TI da forma correta? Existem diversas formas de rascunhá-lo - e decidir pela mais eficiente depende da maneira como a organização funciona.

Em primeiro lugar, para fazer o plano, é preciso listar os projetos alinhando-os com os ideais da corporação. Se o objetivo da empresa é aumentar o número de clientes através do site, por exemplo, o PDTI pode focar em estratégias para atrair visualizações.

Depois de enumerar todos os objetivos, o próximo passo é organizá-los em ordem de urgência. Isso porque, tendo noção das tarefas com maior necessidade de execução, será mais fácil desenvolver as demandas. 

Feito isso, é importante esclarecer aos colaboradores as metas estabelecidas no plano diretor de TI. Isso fará com que cada um saiba quais serão as suas responsabilidades, dali em diante, para a execução das atividades e potencial alcance dos objetivos. 

No processo de desenvolvimento do plano, a empresa pode contar com o auxílio de modelos de gestão, como o PMBOK ou COBIT. Caso isso não seja viável - se sua empresa for pequena ou média e os custos forem altos -, a corporação pode optar por um planejamento simples no bloco de notas do computador. 

O mais importante é lembrar de incluir no plano as sugestões de melhoria e, claro, os investimentos a serem feitos na área de tecnologia da empresa - atentando-se, ainda, em adicionar o orçamento de TI da organização e os ajustes que serão feitos para que essas ações possam ser executadas.

Benefícios de adotar o plano diretor de TI na sua empresa

Adotar um plano diretor de TI na sua empresa auxilia tanto na gestão empresarial quanto na gestão tecnológica e traz inúmeros outros benefícios, como:

  • Maior automação das tarefas a serem realizadas na corporação;
  • Maior organização dos dados e informações empresariais necessárias;
  • Aumento da relação entre os dados e as gerências da empresa; 
  • Fornece a opção de ter um maior investimento nos recursos e políticas de tecnologia da informação - o que consequentemente simplifica os futuros planejamentos de TI;
  • Fornece um controle maior no desempenho das equipes.

Por fim, isso gera resultado também nos clientes. A partir do momento em que o plano diretor de TI está sendo executado da forma correta, a satisfação dos usuários aumenta, já que o serviço está sendo otimizado.

Diferença entre PETI e PDTI

Existe uma diferença significante entre esses dois termos.

O PETI, ou planejamento estratégico de TI, é um tipo de elaboração que se refere diretamente aos objetivos e projetos estratégicos de TI. Essa estratégia é executada levando em consideração os objetivos de mercado. 

O PDTI, por outro lado, determina as orientações de tecnologia da informação de uma corporação. Geralmente, o plano diretor de TI é feito depois que o plano estratégico é finalizado.

Isso acontece porque o plano diretor de TI serve para definir como as metas discutidas no plano de execução serão efetuadas -  especificando os projetos a serem feitos, as qualificações para os cargos de TI na empresa, bem como para a infraestrutura e a segurança de TI

Além disso, o plano estratégico de TI é desenvolvido para ser executado em um período de tempo mais longo - cerca de três ou quatro anos -, enquanto o plano diretor de TI pode ser feito e/ou atualizado anualmente. 

A importância de um PDTI para a corporação

Os resultados positivos na gestão interna começam a surgir a partir do momento que a empresa adota um plano diretor de TI, uma vez que esse plano proporciona organização e controle dos recursos corporativos. Além disso, ele aumenta o leque de infraestrutura tecnológica da empresa. 

Desenvolver um bom PDTI possibilita que a organização, antes de qualquer coisa,  tenha conhecimento dos investimentos de tecnologia da informação que precisam ser feitos em regime prioritário. 

Com o controle desses investimentos, e uma equipe preparada para lidar com o plano de melhoria, a empresa pode garantir evolução gerencial e emancipação de TI em relação a outras corporações - o que certamente a destaca em relação à concorrência.

Agora que você sabe da importância e dos benefícios de realizar um plano diretor de TI, não deixe de considerar o planejamento na sua empresa. Para isso, a 4Infra Consultoria em TI oferece suporte seguro e remoto que auxilia na melhoria da gestão de tecnologia de informação da corporação. 

Quer saber como os nossos serviços funcionam e como eles podem te ajudar? Entre em contato com a nossa equipe!


13 de abril de 2020

Próximos Artigos
Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo

Assuntos Relacionados
HDD e SSD: saiba a diferença e qual usar no seu servidor
30 de agosto de 2021
Entenda a importância do RTO e RPO
27 de agosto de 2021
Conheça as vantagens da Rede Social Corporativa e Intranet
25 de agosto de 2021
Ataque DDoS: saiba como proteger sua empresa!
23 de agosto de 2021
1 2 3 111
chevron-down